top of page

Hipocloridria, será que eu tenho ?




O quadro de hipocloridria é caracterizado pela baixa ou insuficiente produção de ácido clorídrico no estomago.

O acido tem papel de extrema importante no nosso organismo, e sua deficiência pode causar:

- Deficiência de zinco, ferro, vitamina B12 podendo levar a quadros de anemia, queda de cabelo...

- Gastrite

- Refluxo

- Infecções alimentares e bacterianas

- SIBO, disbiose, h pylory.

 

Uma vez que você não tem produção adequada deste ácido, o seu processo digestivo de certa forma sofrerá influência disso, sendo assim sinais clássicos de hipocloridria são:

- Empachamento ou má digestão de proteínas;

- Má digestão de gorduras

- Deficiência enzimática 

- Gases fétidos por putrefação das proteínas (proteínas mal digeridas e fermentadas pelas bactérias)

- Distensão abdominal

- Eructações pós refeição

- Queimação ou mal-estar estomacal.

 

Em casos de baixa ou insuficiente produção de acido estomacal, pode-se utilizar de estratégias como:

- Betaina HCL (orientada em casos de produção ineficiente ou de não produção devido a características autoimunes ou de casos de acometimento das celulas parietais)

- Estimuladores de acido como vinagre de maçã ou limão antes das refeições.

- Fitoterápicos como alecrim e dente de leão para o estimulo da produção.

 

A HIPOCLORIDRIA para ser detectada exige uma conexão entre sinais e sintomas clínicos com exames e históricos relatados pelo paciente. Sendo assim, se você se identifica com os quadros relatados acima, é importante que busque auxílio profissional para um tratamento mais direcionado e específico para o seu quadro.

 

Recebo diariamente pacientes com queixas gástricas, e vemos o quanto a qualidade da saúde digestiva e da qualidade de vida mudam ao fazerem os cuidados específicos para estes quadros.

 

Espero que gostem, comentem aqui no post o que acharam.

Abraços, Tairine (Nutricionista clinica da equipe da Dra Karina Al Assal)

Agende sua consulta 11 982055151

Comments


bottom of page